Itaú: Sindicato paralisa agência com porta de segurança quebrada

Agência funcionava desde a última quinta-feira sem condições adequadas de segurança. A porta giratória teve as divisórias de vidro quebradas, deixando livre a passagem para o interior da agência.

O Sindicato dos Bancários/ES paralisou na manhã desta terça-feira, 21, a agência do Itaú na Avenida Jerônimo Monteiro, no centro de Vitória. O motivo foi a falta de segurança. Desde a última quinta-feira a unidade funcionava com a porta de segurança quebrada.

A denúncia chegou ao Sindicato ontem, quando a diretoria decidiu fechar a unidade para preservar a integridade dos empregados e usuários. O banco estava realizando atendimentos sem movimentação de numerário e fazia seleção de clientes na entrada da unidade. A porta giratória teve os vidros internos quebrados, deixando livre a passagem para a agência.

“O Sindicato vai buscar os meios legais para garantir que a agência fique fechada até que a porta de segurança seja substituída ou consertada. O banco deveria ter mais responsabilidade com os seus funcionários e não abrir em tal situação. Infelizmente, vimos mais uma vez o Itaú colocar o lucro acima da vida dos empregados”, destaca o diretor do Sindicato Mario de Aquino Xavier, que é bancário do Itaú.

Porta giratória teve todos os vidros internos quebrados, deixando livre a passagem para a agência. Foto Sérgio Cardoso

Imprima
Imprimir