Alimentos arrecadados na Festa do Dia do Bancário são doados para quilombolas

A comunidade quilombola de São Domingos, em Conceição da Barra, que integra a territorialidade quilombola Sapê do Norte, recebeu as fraldas descartáveis e os mais de 750 quilos de alimentos arrecadados na Festa do Dia da Bancária e do Bancário, realizada no dia 29 de agosto, no Ilha Shows. As doações foram entregues no domingo, […]

A comunidade quilombola de São Domingos, em Conceição da Barra, que integra a territorialidade quilombola Sapê do Norte, recebeu as fraldas descartáveis e os mais de 750 quilos de alimentos arrecadados na Festa do Dia da Bancária e do Bancário, realizada no dia 29 de agosto, no Ilha Shows. As doações foram entregues no domingo, 13, por diretores do Sindicato dos Bancários/ES.

A comunidade São Domingos foi escolhida para receber as doações em virtude da violência que vem sofrendo por parte de megaempreendimentos da região, entre eles, a empresa Fibria. “Eles estão rodeados por plantações de eucalipto, que sugaram a água da terra, secaram córregos e rios, diminuindo muito a fertilidade e, consequentemente, a capacidade da terra de produzir produtos agrícolas”, afirma a diretora do Sindicato, Lucimar Barbosa.

Ela destaca, ainda, a realidade de total falta de acesso a políticas públicas na comunidade. “Falta acesso à saúde e transporte escolar, por exemplo. Além disso, muitos têm qualificação para trabalhar nas empresas da região, que se recusam a empregá-los. A discriminação racial que os negros sofriam na época da escravidão ainda se faz presente nas comunidades quilombolas”, diz.

O diretor do Sindicato, Thiago Duda, salienta que a relação entre a entidade e a comunidade quilombola vai muito além da doação realizada no domingo. “A entrega da comida é apenas uma simbologia. Temos uma solidariedade política com os quilombolas, apoiamos suas lutas, pois eles vivem uma situação de total agressão à terra, ao meio ambiente e à cultura de seus ancestrais, que, apesar de tantas dificuldades, buscam preservar, por exemplo, por meio do artesanato e da culinária”, afirma Thiago.

Imprima
Imprimir

Comentários