Banestianos devem aderir à Baneses até o dia 30, mas com ressalva

A adesão até o dia 30 de julho é fundamental para que os bancários não fiquem sem o plano de aposentadoria

Os bancários do Banestes admitidos antes de outubro de 2013 e que não entraram no Plano 2 da Fundação Baneses devem aderir ao Plano 3 até o dia 30 de julho, fazendo a ressalva de que não concordam com a posição do banco de não terem direito aos benefícios retroativos. O documento de ressalva deve ser preenchido e encaminhado ao diretor presidente do Banestes.

Essa é a orientação dada pelo Jurídico do Sindicato na reunião que aconteceu na noite desta quarta-feira, 12, quando foram discutidas ações para garantir o direito desses bancários. O Sindicato também fará uma notificação coletiva ao Banestes e à Fundação visando garantir as contribuições retroativas.

O Plano 2 foi fechado em 31 de outubro de 2013. Porém, a Previc aprovou o Plano 3 somente neste ano, sendo aberto no dia 02 de maio. Nesses três anos e sete meses, os bancários ficaram sem opção de adesão ao plano de aposentadoria.

Na reunião, houve relatos de bancários que procuraram a Fundação nesse período e foram informados de que assim que o plano fosse aberto seria garantido o direito às contribuições retroativas, o que não está sendo respeitado agora para esse grupo de bancários.

A adesão até o dia 30 de julho é fundamental para que os bancários não fiquem sem o plano de aposentadoria. O direito retroativo, se não for conquistado em negociação administrativa com o banco e a direção da Baneses, será reivindicado na Justiça pelo Sindicato.

 

 

Imprima
Imprimir