Bancários e bancárias se preparam para o segundo pedalaço da categoria

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 04 de agosto via formulário online, disponível no site do Sindibancários. A família dos bancários e bancárias também pode participar do pedalaço

No domingo, 06 de agosto, bancários e bancárias capixabas irão pedalar por Vitória na segunda edição do Volta à Ilha, evento que dá a largada para as ações de rua da Campanha Salarial 2017. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 04 via formulário online, disponível no site do Sindibancários/ES. O pedalaço é aberto a toda categoria e familiares: a ideia é juntar as bikes e coletivizar o espaço de luta, levando todos às ruas para apresentar as pautas da Campanha Nacional dos bancários à população em geral.

Esta segunda edição do Volta à Ilha conta com as mesmas opções de percurso planejadas para a primeira edição – uma rota foi pensada para ciclistas com mais experiência e uma para crianças e iniciantes.

“No ano passado fizemos a primeira edição do Pedalaço. Criou-se uma expectativa entre os bancários se ia ter ou não esse ano. Muitos pediram que fosse realizado. Por isso estamos organizando de novo”, explica Esdras Henrique Veiga dos Santos, diretor do Sindicato.

Concentração e percursos

Os ciclistas se concentram no Píer de Iemanjá, na Praia de Camburi, a partir das 7h30. No local será oferecido pelo Sindicato um kit com água mineral e frutas. As camisas do evento também podem ser retiradas neste momento. A partida está agendada para às 8h, para os dois percursos.

Percurso I

O Percurso I tem 30 KM e toma parte da extensão continental do município, seguindo em direção à ilha, que será contornada até retornar ao Píer de Iemanjá. Os ciclistas que optarem por esta rota vão seguir pela Praia de Camburi até a Av. Adalberto Simão Nader e, na Av. Fernando Ferrari, seguirão no sentido Ponte da Passagem. A partir da entrada na ilha, os ciclistas seguirão sentido São Pedro, passarão por Santo Antônio e Centro até retornar novamente ao Píer de Iemanjá. O percurso tem duração média de duas a três horas.

Percurso II

O segundo percurso, criado para ciclistas iniciantes e crianças, tem 9 KM e toma apenas a parte continental do município, circundando os bairros Jardim da Penha, Mata da Praia, Bairro República e Goiabeiras. Na Ponte da Passagem, os ciclistas retornarão ao Píer de Iemanjá via Jardim da Penha.

Serviço e apoio

Uma ambulância alugada pelo Sindicato ficará à disposição dos participantes do pedalaço. Um carro de apoio, com um profissional para realizar pequenos reparos, acompanhará os ciclistas durante o percurso, a manutenção, entretanto, fica por conta dos participantes. Haverá sinalização do percurso em pontos estratégicos.

Imprima
Imprimir