Bancários fecham agência Itaú Jardim Limoeiro por falta de condições de trabalho

O Sindicato dos Bancários/ES realizou um protesto nesta terça-feira, 22, na agência do Itaú de Jardim Limoeiro, na Serra. As atividades foram paralisadas em virtude das péssimas condições de trabalho devido à reforma que está ocorrendo na unidade desde o mês de agosto para ampliação da agência. Por causa dessa reforma, os bancários, vigilantes, pessoal […]

O Sindicato dos Bancários/ES realizou um protesto nesta terça-feira, 22, na agência do Itaú de Jardim Limoeiro, na Serra. As atividades foram paralisadas em virtude das péssimas condições de trabalho devido à reforma que está ocorrendo na unidade desde o mês de agosto para ampliação da agência.

Por causa dessa reforma, os bancários, vigilantes, pessoal de limpeza e clientes são obrigados a conviver com poeira, entulhos, tijolo, latas de tinta e fios elétricos expostos. “As condições de trabalho e de atendimento são insalubres, há prejuízos para a saúde e também risco de acidente”, avalia o diretor do Sindicato Mário Aquino.

Segundo ele, a reivindicação dos bancários é que o Itaú transfira o atendimento e os bancários para uma unidade próxima ou alugue um imóvel para o funcionamento da agência em outro local até o fim das obras. “Esperávamos que o banco apresentasse uma solução ainda hoje, mas a instituição financeira não se pronunciou sobre o assunto. Por isso, vamos continuar mobilizados para alcançar as reivindicações dos bancários por melhores condições de trabalho”, afirma o diretor do Sindicato.

Sérgio Cardoso 1

                                                             O protesto vai até o banco apresentar uma solução para garantir condições de trabalho e atendimento durante as obras

Imprima
Imprimir

Comentários