Bancários ocupam agências no Dia Nacional de luta por mais empregados na Caixa

Em campanha por mais contratações, bancários e candidatos aprovados no último concurso e que ainda aguardam convocação ocuparam a entrada de agências da Grande Vitória e do interior do Estado, na manhã desta quinta-feira, 06. Os atos marcaram o Dia Nacional de Luta por Contratação Urgente na Caixa, que contou com atividades em todo o […]

Em campanha por mais contratações, bancários e candidatos aprovados no último concurso e que ainda aguardam convocação ocuparam a entrada de agências da Grande Vitória e do interior do Estado, na manhã desta quinta-feira, 06. Os atos marcaram o Dia Nacional de Luta por Contratação Urgente na Caixa, que contou com atividades em todo o país. Na Grande Vitória, as ações foram realizadas nas unidades do Centro de Vila Velha e da Reta da Penha, em Vitória.

Com a escassez de empregados, a Caixa impõe uma alta sobrecarga de trabalho aos bancários e penaliza seus clientes com atendimento precário. “Viemos a público denunciar essa situação e exigimos que a Caixa tome providências, que tem acarretado o adoecimento da categoria. A Caixa é uma empresa necessária para o país, presente em todas as regiões, mas precisa de mais empregados para garantir o atendimento de qualidade à população”, destacou a diretora do Sindibancários/ES, Rita Lima, durante as manifestações.

 C  1021 7774                           Candidatos aprovados no último concurso da Caixa também participaram dos atos. 

 

Para os concursados aprovados que ainda não foram chamados, o sentimento é de decepção e revolta. “Eu me sinto enganada! Abri mão da família e me dediquei durante quatro meses para estudar para o concurso. Participo dessa manifestação porque também acho importante chamar a atenção dos clientes para a situação em que estão as agências da Caixa, com funcionários adoecidos mesmo com uma extensa lista de concursados aprovados para serem convocados”, declarou a candidata aprovada, Juliana Loureiro. Durante os atos, além da distribuição de panfletos, também foram recolhidas assinaturas para o abaixo-assinado da campanha.

Lugares vazios x sobrecarga de trabalho

A cada ano cresce o déficit de empregados nas agências da Caixa. No final de 2014, o banco tinha cerca de 101 mil empregados, mas, neste ano, com o Plano de Apoio à Aposentadoria (PAA) quase 3 mil trabalhadores saíram da Caixa. Para os bancários, o cenário é de espaços vazios e trabalho em dobro.

“Fui transferida de uma agência que também sofre com a escassez de empregados, principalmente após o PAA. O que temos nas agências são muitos espaços vazios, muito trabalho e poucos empregados. Sofremos pressão para bater metas, temos que atender todos clientes, e enquanto isso a Caixa se nega a contratar mais bancários. Ao final de um dia de trabalho, estamos esgotados”, desabafou uma bancária que não quis se identificar.

A campanha por mais contratações também conta com a participação da Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Apcef/ES). “Está vencendo mais um concurso e o número de contratações ainda é irrisório. Além disso, a Caixa sequer repôs as vagas que estão abertas após as demissões incentivadas. Isso demonstra que o banco não tem nenhuma preocupação com a saúde dos bancários e com a oferta de um atendimento de qualidade aos cliente”, enfatizou o presidente da Apcef/ES, Edmar Martins André.

Atendimento precário

Todos os dias, milhões de benefícios do Bolsa Família, seguro-desemprego, PIS, abono salarial e as aposentadorias e pensões do INSS são pagos na Caixa. E apesar dessa responsabilidade e ter mais de 80 milhões de correntistas e poupadores, em média, no país, cada agência tem 17 trabalhadores para dar conta de todo esse serviço. No Espírito Santo, essa média cai para oito empregados. 

 C  0961 7715

  “Sempre quando venho à Caixa perco horas de trabalho, pois tenho que esperar  muito  tempo para ser atendida. Ou tenho que sair mais cedo ou entrar mais  tarde no  trabalho, e esse tempo é descontado do meu pagamento. Sou cliente da  Caixa há 25  anos, e esse banco já foi bem melhor. Apoio essa campanha dos  bancários, porque  merecemos um atendimento melhor”, declarou a cliente,  Maria d’Ajuda Santos Paixão.

 Atenção bancários!

A campanha “Mais Empregados para a Caixa, mais Caixa para o Brasil” continua! Colabore com a divulgação do abaixo-assinado e post a hashtag #MaisEmpregadosJá nas suas publicações nas redes sociais.

“Somente com mobilização vamos conseguir fazer com que a Caixa convoque os concursados e, no mínimo, reponha o déficit atual de empregados. Por isso, convidamos todos os bancários e bancárias a continuarem empenhados nesta campanha, mobilizando os colegas de trabalho e clientes das agências em que trabalham”, convida a diretora do Sindibancários/ES, Lizandre Borges.

A campanha “Mais empregados para a Caixa, mais Caixa para o Brasil” é desenvolvida pelo Sindicato dos Bancários, Associação do Pessoal da Caixa (APCEF), Fenae, Contraf e Comissão Executiva dos Empregados.

Interior

site 2                  site

Houve mobilização também em Cachoeiro de Itapemirim (foto vertical) e em Linhares (horizontal), Colatina, Aracruz, dentre outros locais

 

 

Imprima
Imprimir