Bancários percorrem agências de Campo Grande em ação sindical

Os diretores do Sindibancários dialogaram com a categoria e a população, que também está contemplada na minuta por meio da pauta social

No segundo dia de discussões da primeira rodada de negociação com a Fenaban o Sindicato dos Bancários/ES realizou ação sindical em Campo Grande, Cariacica. Os diretores percorreram as agências da região, onde encenaram uma esquete teatral por meio da qual mostram a realidade da categoria bancária, marcada pela pressão por metas, sobrecarga de trabalho, entre outros problemas.

“Por meio da ação sindical buscamos dialogar com os bancários e com a população, pois nós temos em nossa minuta tanto a pauta social quanto a sindical, ou seja, reivindicamos direitos e melhores condições de trabalho para os bancários e bancárias, mas também lutamos por um atendimento mais respeitoso para os clientes. E isso se dá, por exemplo, por meio da contratação de mais profissionais. Além disso, somos contra as altas taxas de juros cobradas pelas instituições financeiras e outras formas de explorar os clientes”, diz o diretor do Sindibancários, Carlos Pereira de Araújo, o Carlão.

Entre as principais reivindicações da Campanha Salarial deste ano estão reajuste de 14,78%, valorização do piso salarial, no valor do salário mínimo calculado pelo Dieese (R$3.940,24 em junho), PLR de três salários mais R$ 8.317,90, combate ao assédio moral, fim da terceirização. Além da defesa do emprego, das empresas públicas e dos direitos da classe trabalhadora, ameaçados pelo governo interno de Michel Temer.

Imprima
Imprimir

Comentários