Banestes adia implantação do Plano Salto

Na última quinta-feira, 24, por meio de comunicado, o Banestes informou que irá implantar somente em janeiro de 2015 o plano de cargos e salários, o Plano Salto. Segundo o banco, a legislação eleitoral não permite a implantação do plano neste ano. Para o Sindibancários/ES o plano foi elaborado de forma unilateral e não atende […]

Na última quinta-feira, 24, por meio de comunicado, o Banestes informou que irá implantar somente em janeiro de 2015 o plano de cargos e salários, o Plano Salto. Segundo o banco, a legislação eleitoral não permite a implantação do plano neste ano. Para o Sindibancários/ES o plano foi elaborado de forma unilateral e não atende aos interesses dos bancários.

“Desde o início, o Sindicato dos Bancários/ES solicitou ao banco que o plano fosse elaborado de forma paritária, envolvendo Sindicato e bancários, para que os interesses de todos os banestianos fossem atendidos. Mas essa reivindicação não foi atendida pelo Banestes”, enfatiza o diretor do Sindibancários/ES e bancário do Banestes, Jessé Alvarenga.

Para garantir um plano que beneficie toda a categoria e a conquista de outros direitos,  é essencial o envolvimento e participação dos bancários na Campanha Salarial. Para Alvarenga, nos últimos três anos, os banestianos tiveram importantes conquistas, e isso foi resultado da participação dos empregados na Campanha.

“Precisamos avançar principalmente na conquista de causas econômicas. Hoje, há uma defasagem salarial dos bancários do Banestes em relação aos empregados de outros bancos. Quanto mais ampla for a participação dos banestianos na Campanha Salarial, mais conquistas teremos”, destaca.

Imprima
Imprimir