Banestes não responde reivindicações dos trabalhadores. A solução é a greve!

Nesta terça-feira, 17, a diretoria do Sindicato dos Bancários/ES participou da quarta rodada de negociação com o Banestes. Mais uma vez o banco não apresentou nenhuma proposta em relação às reivindicações dos trabalhadores e, inclusive, afirmou que o índice de reajuste salarial a ser seguido será o que for aprovado pela Federação Nacional dos Bancos […]

Nesta terça-feira, 17, a diretoria do Sindicato dos Bancários/ES participou da quarta rodada de negociação com o Banestes. Mais uma vez o banco não apresentou nenhuma proposta em relação às reivindicações dos trabalhadores e, inclusive, afirmou que o índice de reajuste salarial a ser seguido será o que for aprovado pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), ignorando as perdas específicas.

Entre as reivindicações defendidas pelos sindicalistas estão o aumento dos auxílios alimentação e refeição, reajuste do auxílio creche/babá, melhorias nos serviços prestados pela Banescaixa, aumento do anuênio e do abono assiduidade, questões relativas à contribuição para a fundação, entre outros.

Ao afirmar que irá seguir o índice da Fenaban o Banestes simplesmente ignora as perdas salariais que os trabalhadores vêm sofrendo. “Uma de nossas principais reivindicações é a reposição das perdas salariais desde 1994, que chegam a 46,03%. Os valores da Fenaban são muito inferiores às perdas locais. Queremos uma proposta que contempla a recuperação das nossas perdas”, afirma o diretor do Sindicato dos Bancários/ES, Jonas Freire.

Jonas salienta que, diante do descaso do Banestes, não há alternativa a não ser a greve. “Vamos nos unir aos bancários de todo o Brasil e iniciar uma greve a partir da quinta-feira, dia 19. Contamos com o apoio de todos os trabalhadores do Banestes. Para fortalecer o movimento grevista, realizaremos na quarta-feira, 18, uma plenária organizativa. Será às 18h, no Centro Sindical”, convoca Jonas Freire.

Plenária organizativa para a greve nacional dos bancários
Local: Centro Sindical, localizado na rua Ithobal Rodrigues Campos, 125, Forte São João, Vitória
Horário: 18h

Imprima
Imprimir