Lucro do Banestes cresce 35% no primeiro semestre deste ano

Com ampliação da oferta de serviços aos seus clientes, o Banestes obteve lucro de 67,8 milhões de lucro líquido no primeiro semestre deste ano, o que equivale a aumento de 35,40% maior em comparação ao mesmo período de 2013. Mas, apesar do lucro elevado, o Banestes não faz a reposição das perdas salariais de seus […]

Com ampliação da oferta de serviços aos seus clientes, o Banestes obteve lucro de 67,8 milhões de lucro líquido no primeiro semestre deste ano, o que equivale a aumento de 35,40% maior em comparação ao mesmo período de 2013. Mas, apesar do lucro elevado, o Banestes não faz a reposição das perdas salariais de seus empregados, que, inclusive, não têm um plano de cargos e salários que valorize a categoria.

Em um ano, o Banestes teve 48 mil novos clientes pessoa física, o que corresponde a um aumento de 4,8%. Na pessoa jurídica foram incorporados mais de 3.800 correntistas, um crescimento de 7,6% no período.

“A alta lucratividade do banco é fruto do trabalho de todos os bancários e bancárias. Apesar disso, eles não têm tido o reconhecimento necessário e merecido, tanto na questão salarial quanto nas condições de trabalho. Os trabalhadores e trabalhadoras convivem com sobrecarga de trabalho e metas, por exemplo. Com a divulgação do lucro e a Campanha Salarial em curso, esperamos que o banco reconheça o trabalho dos bancários e bancárias atendendo as suas reivindicações”, afirma o diretor do Sindicato dos Bancários/ES, Jonas Freire.

Com informações de www.banestes.com.

Imprima
Imprimir