Caixa publica norma sobre ponto eletrônico

A Caixa publicou na segunda-feira, 13, nova versão da norma que dispõe sobre a jornada de trabalho e registro no Sistema de Ponto Eletrônico, o SIPON. Também foram publicadas duas cartilhas, uma direcionada ao empregado e outra direcionada ao gestor. O Sindicato alerta os empregados do banco para a necessidade do fiel registro da jornada […]

A Caixa publicou na segunda-feira, 13, nova versão da norma que dispõe sobre a jornada de trabalho e registro no Sistema de Ponto Eletrônico, o SIPON. Também foram publicadas duas cartilhas, uma direcionada ao empregado e outra direcionada ao gestor. O Sindicato alerta os empregados do banco para a necessidade do fiel registro da jornada de acordo com o expediente que cada um tem que cumprir no banco.

O bancário não pode, mesmo que haja solicitação da chefia, trabalhar sem o devido registro do ponto. Qualquer horário diverso ao efetivamente trabalhado deve ser registrado por meio do item “regularização” (AREG). É proibida a solicitação de registro do ponto por outro empregado. A jornada de seis horas é contínua e sem registro de intervalo.

“O Sindicato sempre defendeu o cumprimento da jornada, sem extrapolação e sem burla ao ponto. É preciso que todos fiquem atentos, pois a Caixa fala em falta grave e providências disciplinares para quem não observar as normas”, alerta a diretora da entidade Lizandre Borges.

Imprima
Imprimir