Coordenação Geral

Ao Coordenador Geral do Sindicato dos Bancários/ES compete representar política e judicialmente judicial e extrajudicialmente o Sindicato; e assim lutar pela garantia dos direitos da categoria bancária. Faz parte de seu trabalho convocar e presidir as reuniões da diretoria, do Plenário do Sistema Diretivo e da Assembléia Geral; assinar atas, documentos e papéis que dependam de sua ciência; acrescentar sua assinatura em cheques e outros títulos, juntamente com o Secretário de Finanças; convocar e participar das reuniões de quaisquer órgãos do Sistema Diretivo ou Departamento do Sindicato, salvo do Conselho Fiscal se para tanto não for convocado; coordenar e orientar a ação dos órgãos do Sistema Diretivo, integrando-os sob a linha de ação definida, em todas as suas instâncias; orientar e coordenar a aplicação do Plano Anual de Ação Sindical junto às subsedes Regionais; entre outras.

Para ocupar a função de Coordenador Geral é preciso ser eleito em processo eleitoral único. O escolhido assume mandato de um ano, quando o Sistema Diretivo é convocado com a finalidade de reconduzi-lo ao cargo ou eleger um novo Coordenador. Somada a essas funções está o papel primordial do Coordenador na articulação política com outras entidades; e sua representação política como gestor do Sindicato nas relações de negociação; além da coordenação do Comitê em Defesa do Banestes Público e Estadual.