Desconto assistencial garante continuidade da luta dos bancários. Contribua!

Com o objetivo de cobrir os custos da Campanha Salarial, a assembleia geral que encerrou a greve dos bancários, no dia 11, aprovou também o desconto assistencial de 1% sobre o salário reajustado de outubro/2013. O valor é destinado a gastos com publicação de editais, produção e veiculação de material de divulgação (como spots de […]

Com o objetivo de cobrir os custos da Campanha Salarial, a assembleia geral que encerrou a greve dos bancários, no dia 11, aprovou também o desconto assistencial de 1% sobre o salário reajustado de outubro/2013.

O valor é destinado a gastos com publicação de editais, produção e veiculação de material de divulgação (como spots de rádio e outdoor), organização dos congressos estaduais e participação nas conferências regionais e nacional da categoria, alimentação para grevistas, despesas com viagens para participação nas mesas de negociação, entre outros.

O coordenador administrativo do Sindicato, Jônatas Correia, explica que o desconto é uma forma de fortalecer a organização da categoria, já que as despesas nesse período aumentam de forma significativa. “O desconto é uma ferramenta essencial para a construção da Campanha Salarial, já que neste período as despesas do Sindicato excedem o montante arrecadado através das contribuições mensais dos bancários. As conquistas da greve são estendidas a todos os bancários, por isso, é importante que os trabalhadores contribuam solidariamente com essas despesas, que foram fundamentais para alcançar os resultados que tivemos na Campanha”, diz Jônathas.

Mesmo sendo uma deliberação de assembleia, o direito de oposição individual ao desconto é garantido mediante a entrega de requerimento (devendo constar nome completo, qualificação, agência/departamento, matrícula, número da CTPS e nome da empresa em que trabalha). O requerimento deverá ser entregue na sede do Sindicato ou subsedes, no período de 28 de outubro a 08 de novembro, das 09 às 17h30.

Os bancários dos municípios nos quais não existe sede ou subsedes do Sindicato poderão enviar seus requerimentos pelos Correios, através de cartas registradas, para a sede do Sindicato (Rua Wilson Freitas, 93, Centro, Vitória). Vale lembrar que, nestes casos, a data de postagem da correspondência deve  obedecer ao prazo final de entrega, fixado em 08 de novembro.

Veja outras informações no edital

Imprima
Imprimir