Direção do Banestes se recusa a reduzir índice de reajuste da Banescaixa

Em reunião realizada na última terça-feira, 12, a pedido do Sindibancários/ES, a direção do Banestes se recusou a reduzir o índice de reajuste da Banescaixa de 9,34%. Aprovado pelo Conselho Deliberativo, o reajuste passou a valer a partir do mês de maio e onera ainda mais o plano para os bancários. Mesmo com superávit do […]

Em reunião realizada na última terça-feira, 12, a pedido do Sindibancários/ES, a direção do Banestes se recusou a reduzir o índice de reajuste da Banescaixa de 9,34%. Aprovado pelo Conselho Deliberativo, o reajuste passou a valer a partir do mês de maio e onera ainda mais o plano para os bancários.

Mesmo com superávit do plano de R$ 2,2 milhões em 2014, o alto lucro do Banestes e a garantia do aporte do banco para custear as despesas administrativas da Banescaixa, a direção do Banestes insiste em manter o reajuste. Para o diretor do Sindibancários/ES e bancário do Banestes, Jonas Freire, o posicionamento tanto do banco como do Conselho é um desrespeito com os banestianos.

“A situação do plano hoje é bem melhor do que no ano passado, quando o reajuste foi de 8%. Portanto, não há justificativa para o aumento. A direção do banco foi totalmente insensível ao propor esse índice. E lamentavelmente o Conselho Deliberativo, que tem dois representantes dos bancários, aprovou a proposta sem sequer discutir com o Sindicato e a categoria. Agora, é preciso traçar uma pauta específica sobre a Banescaixa na Campanha Salarial”, enfatiza.

O diretor do Sindicato destaca ainda que o índice de reajuste é acima do aumento salarial de 8% conquistado pela categoria no ano passado. O plano já é extremante custoso para os bancários, principalmente para aqueles que têm remuneração menor, pois a cobrança é por idade e não percentual. Uma contribuição mais justa é um dos princípios pontos a ser discutido sobre a Banescaixa no Congresso dos Bancários.

Reajuste

O Plano Banescaixa Familiar teve um reajuste de 7,68% a partir de abril deste ano. Em comunicado, a Banescaixa destacou que o estudo atuarial recomendou a aplicação de 13,37% de reajuste sobre os valores das contribuições, sob a justificativa de garantir a retomada do equilíbrio econômico-financeiro do Plano. No entanto, o balanço financeiro de 2014 aponta a boa saúde financeira da Banescaixa, que não apresenta déficit e, sim, superávit.

Confira como ficou a tabela das contribuições do Plano Banescaixa

 

Faixa etária

Valor da contribuição (R$)

00 a 18 anos

86,70

19 a 23 anos

134,78

24 a 28 anos

141,55

29 a 33 anos

155,69

34 a 38 anos

163,49

39 a 43 anos

179,83

44 a 48 anos

213,19

49 a 53 anos

283,77

54 a 58 anos

327,19

59 anos ou mais

520,20

Imprima
Imprimir