Bancários cobram do Bandes retorno das negociações

A manifestação foi realizada em frente ao banco na manhã da segunda-feira, 03 de outubro.

manifestacao-bandes-03-10

Bancários e bancárias do Bandes fizeram uma manifestação em frente ao banco na manhã desta segunda-feira, 03. Os trabalhadores e trabalhadoras reivindicaram o retorno imediato das negociações com o Sindicato dos Bancários/ES, paralisadas desde o dia 20 de setembro. A manifestação foi deliberada em uma plenária realizada na sexta-feira, 30.

O diretor do Sindibancários, Ivaldo Albano, afirma que o Bandes tem sido intransigente não somente por ter paralisado as negociações, mas também por ter chamado a polícia para coagir os bancários e bancárias a por fim à greve, como aconteceu no dia 28 de setembro.

“O banco convocou os funcionários para trabalhar. Fomos para a porta do Bandes fazer a resistência e chamaram até a polícia para tentar nos intimidar. Essa atitude é lastimável. Os bancários e bancárias estão reivindicando melhorias nas condições de trabalho por meio da greve, que é um direito constitucional”, diz Ivaldo.

bandes-greve-2016-4

 

Para o bancário do Bandes, Dimitri Salviato Rodrigues, os trabalhadores e trabalhadoras devem persistir nas mobilizações.

“Participar das manifestações é uma forma de demonstrar a insatisfação que sentimos e a força que a gente tem. Somente assim vamos avançar nas negociações”, defende.

Quanto à última proposta apresentada pelo Bandes, Dimitri a considera insuficiente.

“Ela é vaga principalmente na nossa principal reivindicação, que é Plano de Cargos e Salários e Plano de Carreira”, destaca.

bandes-greve-2016-2

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

bandes-greve-2016-1

Imprima
Imprimir