Greve no ES: 331 agências estão paralisadas

A semana chega ao fim com a greve dos bancários paralisando 331 agências e postos de atendimento no Espírito Santo, além departamentos administrativos. Na Grande Vitória, são 182 agências e no interior 149. Na Caixa Econômica Federal, estão paralisadas 39 agências da região metropolitana e no interior são 41. Do Banestes, são 57 agências paradas […]

A semana chega ao fim com a greve dos bancários paralisando 331 agências e postos de atendimento no Espírito Santo, além departamentos administrativos. Na Grande Vitória, são 182 agências e no interior 149.

Na Caixa Econômica Federal, estão paralisadas 39 agências da região metropolitana e no interior são 41. Do Banestes, são 57 agências paradas na Grande Vitória e 42 no interior. No Banco do Brasil a greve abrange 52 agências do interior e 41 na Grande Vitória. Há também uma agência do Banco do Nordeste do Brasil de São Mateus paralisada.

Entre os bancos privados, estão paralisadas onze agências do Santander na Grande Vitória e duas no interior; quatorze do Itaú na Grande Vitória e cinco no interior; seis do HSBC na Grande Vitória e duas no interior; treze do Bradesco na Grande Vitória e quatro no interior e uma do Safra na Grande Vitória.

Sem propostas

A greve dos bancários completou nesta sexta-feira, onze dias, mas até o momento a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) ainda não se manifestou. Os banqueiros insistem na proposta rejeitada: reajuste de 5,5%, abaixo da inflação (9,89%). Também negam as reivindicações dos trabalhadores sobre saúde, condições de trabalho, segurança e igualdade de oportunidades, entre outras. 

Imprima
Imprimir