Lucro de R$ 38,4 milhões mostra que Banestes tem condições de contratar mais funcionários

O lucro, referente ao 1º trimestre de 2016, mostra que os trabalhadores devem reafirmar a luta pela contratação de mais funcionários na Campanha Salarial deste ano.

Os resultados referentes ao primeiro trimestre de 2016 foram divulgados pelo Banestes. O lucro líquido acumulado no período, segundo a instituição financeira, foi de R$ 38,4 milhões. Esse valor, de acordo com o banco, é estável em relação ao primeiro trimestre de 2015 e 32,4% superior se comparado ao quarto trimestre do ano passado. Para o coordenador geral do Sindicato dos Bancários/ES, Jessé Alvarenga, os valores divulgados mostram que o Banestes tem total condição de investir na contração de mais funcionários.

“Em virtude da pressão feita pelo Sindicato, o Banestes convocou recentemente alguns aprovados no último concurso. Porém, o número de pessoas convocadas foi insuficiente. Diante de um lucro de R$ 38,4 milhões somente no primeiro trimestre deste ano, fica evidente que o banco tem total condição de convocar um número maior de aprovados”, diz Jessé.

Ele destaca, ainda, que a falta de funcionários traz prejuízos não somente para os bancários e bancárias, mas também para a população.

“Os trabalhadores e trabalhadoras estão sobrecarregados, tanto nas agências da capital quanto nas do interior. Com isso, os casos de adoecimento entre eles têm crescido. Essa realidade precariza não somente as condições de trabalho, mas também o atendimento aos clientes”, afirma o coordenador geral.

O diretor do Sindibancários, Jonas Freire, afirma que a entidade continuará cobrando mais contratações.

“A contratação de mais funcionários, inclusive na direção geral e nos departamentos, será uma das reivindicações dos banestianos na Campanha Salarial 2016. Diante desse lucro, não há porque não atender as reivindicações”, diz Jonas.

Imprima
Imprimir

Comentários