Manifestação contra reforma da Previdência é adiada

Chuva impediu que manifestação acontecesse. Os representantes das centrais sindicais no Estado devem se reunir em breve para reagendar a atividade.

Em função das chuvas que atingiram a capital, foi cancelada a manifestação contra a reforma da Previdência que aconteceria na tarde desta quarta-feira, 20, na Praça Oito, em Vitória. Os representantes das centrais sindicais no Estado devem se reunir em breve para reagendar a atividade. O dia foi marcado por protestos em todo o país, convocados pelas maiores centrais sindicais brasileiras. O projeto de reforma do governo Bolsonaro (PSL) foi apresentado hoje pela manhã ao Congresso Nacional. A proposta dificulta o acesso à aposentadoria e retira direitos. Na prática, mesmo tendo chegado à idade mínima estabelecida, que é de 62 anos para mulheres e 65 para homens, trabalhadores só receberão valor integral da aposentadoria se tiverem contribuído por 40 anos.

Imprima
Imprimir