Número total de agências fechadas no estado chega a 356

Desse total, 166 agências são do interior e as outras 190 da Grande Vitória

O número de agências fechadas chegou a 356 nesta quinta-feira, 22. Desse total, 166 agências são do interior e as outras 190 da Grande Vitória. Os prédios do Bandes, do Centro de Processamento de Dados do Banestes (CPD) e Pio XII (Banco do Brasil) permanecem fechados, assim como 3 departamentos da Caixa.

Na Grande Vitória, estão paralisadas 40 agências da Caixa, 56 do Banestes e 43 do Banco do Brasil. No interior, 44 da Caixa, 50 do Banestes, 57 do Banco do Brasil e 3 do Banco do Nordeste do Brasil. Entre os privados, estão fechados 63 em todo o Estado: 17 do Santander, 19 do Bradesco, 19 do Itaú, 7 do HSBC e 1 do Safra.

Pressione os bancos

Desde o dia 15 de setembro não foi realizada nenhuma rodada de negociação. Nessa data, ocorreu uma em São Paulo na qual a Fenaban não apresentou nenhuma proposta para a categoria bancária. A reunião chegou ao fim sem que uma nova negociação fosse agendada.

Caso você não consiga atendimento no banco, reclame nos órgãos de defesa do consumidor e no Banco Central. Os clientes também podem entrar em contato com a Fenaban ou com o SAC dos bancos, cobrando que apresentem uma proposta digna aos bancários para que a greve seja encerrada.

FENABAN – 0800 772 8050

PROTESTE: 0800 201 3900

BANCO CENTRAL: 145

SAC SANTANDER: 0800 762 7777

SAC BANCO DO BRASIL: 0800 729 0722

SAC CAIXA: 0800 726 0101

SAC ITAÚ: 0800 728 0728

SAC BRADESCO: 0800 704 8383

SAC BANESTES: 0800 727 0474

Imprima
Imprimir