Sindicalistas buscam apoio de deputados e senadores em defesa do emprego no HSBC

A Contraf-CUT e a Comissão de Organização dos Empregados (COE) do HSBC realizaram um corpo a corpo no Congresso Nacional na primeira quinzena de maio em busca de apoio dos parlamentares para a campanha pela preservação dos empregos no banco inglês em caso de venda da instituição. A ação foi organizada diante dos rumores veiculados na […]

A Contraf-CUT e a Comissão de Organização dos Empregados (COE) do HSBC realizaram um corpo a corpo no Congresso Nacional na primeira quinzena de maio em busca de apoio dos parlamentares para a campanha pela preservação dos empregos no banco inglês em caso de venda da instituição. A ação foi organizada diante dos rumores veiculados na imprensa de que o HSBC pretende deixar o Brasil. Segundo informação publicada na coluna Radar OnLine neste domingo, dia 17, Itaú, Bradesco e Santander estariam interessados na compra do concorrente.

Os sindicalistas conversaram com deputados e senadores e entregaram documento mostrando o impacto que o fim das operações do banco pode trazer para seus 21 mil empregados e para economia das regiões onde atua. Os parlamentares se mostraram bastante sensibilizados e se comprometeram a realizar uma audiência pública e articular reunião no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), de forma a impedir que mudanças no banco signifiquem corte de empregos.

Com informações da Contraf 

Imprima
Imprimir

Comentários