Sindicato dos Bancários/ES apoia grupo de oposição dos vigilantes

O Sindicato dos Vigilantes (Sindiseg/ES) está sob intervenção judicial desde junho de 2013 em virtude da falta de transparência no último processo eleitoral e supostos desvios de recursos financeiros. Diante dessa situação, surgiu o Grupo 100% Renovação, formado por vigilantes que vêem no sindicato um instrumento de luta a favor dos trabalhadores. O grupo tem […]

O Sindicato dos Vigilantes (Sindiseg/ES) está sob intervenção judicial desde junho de 2013 em virtude da falta de transparência no último processo eleitoral e supostos desvios de recursos financeiros. Diante dessa situação, surgiu o Grupo 100% Renovação, formado por vigilantes que vêem no sindicato um instrumento de luta a favor dos trabalhadores. O grupo tem apoio de diversas entidades sindicais, entre elas, o Sindicato dos Bancários/ES.

“A categoria dos vigilantes sempre demonstrou ser de luta e aliada dos bancários, bancárias e da sociedade em geral. Infelizmente as últimas direções do Sindiseg não têm correspondido a esse perfil de luta. Por isso, o Sindicato dos Bancários/ES apoia o Grupo 100% Renovação”, afirma o coordenador geral do Sindicato, Carlos Pereira de Araújo, o Carlão.

Os integrantes do Grupo 100% Renovação têm larga experiência profissional em diversas áreas da vigilância privada e defendem uma atuação sindical ética e transparente. Para eles, uma das formas de garantir que isso aconteça é fortalecendo a entidade por meio do aumento do número de filiados.

“Tornando-se filiado ao Sindicato, os vigilantes poderão dar sua contribuição para as atividades de luta por direitos e qualidade de vida. Além disso, na próxima eleição, que ainda não tem data marcada, poderão eleger uma diretoria que, de fato, esteja ao lado dos trabalhadores”, afirma um dos integrantes do grupo, Mário Rogério Gonomo Santa Clara.

Para o diretor do Sindibancários e membro da direção nacional da Intersindical, Idelmar Casagrande, o Sindiseg precisa de uma diretoria que se preocupe em resolver os problemas da categoria. “O Grupo 100% Renovação, que luta por um sindicalismo independente e autônomo, com certeza é uma alternativa”, defende Idelmar.

Além do Sindibancários, o Grupo 100% Renovação tem como apoiadores a Intersindical, Sindicato dos Trabalhadores da Ufes (Sintufes), Sindicato dos Trabalhadores e Servidores Públicos do Estado do Espírito Santo (Sindipúblicos), Sindsaudeprev e Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Colatina (Sispmc).

Imprima
Imprimir