Sindicato garante pagamento de horas extras a analistas do BB

A ação garante o pagamento das sétima e oitava horas como extra para todos os empregados que exerceram a função de Analista A em Unidade Tática no Estado do Espírito Santo a partir do dia 03 de maio de 2006

O Sindibancários/ES saiu vitorioso na ação coletiva contra o Banco do Brasil de cobrança das sétima e oitava horas de trabalho como extras para os Analistas A em Unidade Tática. A ação garante o pagamento para todos os empregados que exerceram a função de Analista A em Unidade Tática no Estado do Espírito Santo a partir do dia 03 de maio de 2006.

“Essa é mais uma vitória importante dos trabalhadores contra o banco, que tenta de diversas formas burlar a jornada de trabalho dos bancários. Principalmente nesta conjuntura de desrespeito aos direitos dos trabalhadores, ganhar essa ação é muito significativo para nossa luta. Essa vitória também mostra a importância do Sindicato na defesa dos trabalhadores”, enfatiza a diretora do Sindibancários/ES, Goretti Baroni.

Atenção, bancários!

A liquidação e execução dessa ação será realizada no próprio processo, pelo Sindicato, em favor dos bancários e bancárias beneficiados, e a documentação necessária já foi requerida ao Banco do Brasil. No entanto, para que seja possível conferir a documentação enviada pelo BB, todos os bancários que se enquadram nesta ação coletiva, ou seja, que exerceram a função a partir do dia 03 de maio de 2006, devem entrar em contato com escritório Ferreira Borges, responsável pelo processo, pelo e-mail atendimento@ferreirborges.adv.br informando seus dados pessoais e a condição de beneficiário dessa ação coletiva.

O envio dos dados é de extrema importância para garantir na lista fornecida pelo BB os nomes de todos os bancários e bancárias que tenham direito a essa ação, consequentemente, na execução coletiva das horas extras. O número da ação é nº 0052300-42.2011.5.17.0005

 

 

 

 

 

 

Imprima
Imprimir